Notícias gerais, Vida e Comportamento

Agressividade e abusos da Lava Jato viraram “agonia permanente” a dona Marisa.

Agressividade e abusos da Lava Jato viraram “agonia permanente” a dona Marisa

 a
Jornal GGN – Marisa Letícia teve seu estado de saúde agravado, com picos de alta pressão, após a busca e a apreensão em sua residência e de seus filhos e da condução coercitiva de Lula determinada pelo juiz Sergio moro, em março de 2016.
 a
O mandado autorizado pelo magistrado da primeira instância do Paraná era recordado por dona Marisa sempre pela agressividade da medida: contava a amigas detalhes de que até as geladeiras foram vasculhadas e os iPads de seus netos levados embora.
A partir de então “a vida da ex-primeira-dama virou uma agonia permanente”, segundo relatos de pessoas próximas da família do ex-presidente. A informação é de publicação da Monica Bergamo, deste sábado (04).
 a
“Numa certa ocasião, assustada com um barulho na rua no meio da noite, de acordo com os mesmos relatos, Marisa chegou a cair da cama e a quebrar um dedo”, narrou, ainda, a coluna da Folha.
a
a
O Tempo
Agressividade no MP de Minas
a

Rômulo Paiva Filho escreveu no Facebook: “Morre logo, peste! Quero abrir logo o meu champagne”

Romulo Paiva

Publicações do procurador foram compartilhadas na internet antes de serem apagadas
PUBLICADO EM 03/02/17 – 21h11

O procurador de Justiça de Minas Gerais Rômulo Paiva Filho será investigado pela Corregedoria-Geral do Ministério Público do Estado depois de compartilhar no Facebook uma reportagem sobre a ex-primeira dama Marisa Letícia e escrever uma mensagem desejando sua morte. “Morre logo, peste! Quero abrir logo o meu champagne”, disse Filho, na rede social.

a

O perfil do procurador foi apagado após a repercussão do caso. A assessoria de imprensa do MPMG informou, na noite desta sexta-feira (3), que a Corregedoria-Geral está apurando os fatos e vai tomar as providências cabíveis.

Essa não é a primeira vez que Rômulo Paiva Filho se envolve em uma polêmica com questões políticas na internet. Em 2016, ele publicou um texto insinuando que a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) deveria ser morta durante a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos.

“Quem vai acender a pira olímpica? Eu sugiro dar um banho de gasolina na Dilma, tacar fogo com a tocha e mandar ela correr em direção à pira. Que tal?, afirmou, também pelo Facebook.

Morte de Marisa

Marisa Letícia Lula da Silva, de 66 anos, mulher do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, morreu nesta sexta-feira (3), no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, onde estava internada desde a última terça-feira (24), vítima de complicações de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Boletim médico informou que Marisa morreu às 18h57.

Ela deixa quatro filhos, um de seu primeiro casamento e três do casamento com Lula.

Leave a Reply

Theme by Anders Norén