Defesa de Lula entrega hoje os recibos originais de aluguel a Sergio Moro

Foto: Reprodução

Jornal GGN – “A defesa do ex-presidente Lula entrega hoje à Justiça, em Curitiba, os recibos do aluguel do apartamento investigado em São Bernardo. Leva um notário para atestar que estão em bom estado.” É o que informa a jornalista Mônica Bergamo, nesta terça (24).

Além disso, a defesa convocou uma coletiva de imprensa para aprensentar “aos jornalistas os originais dos recibos de aluguéis do apartamento de São Bernardo, que serão entregues nesta tarde na 13a. Vara Criminal de Curitiba.” O encontro ocorre as 14h, no escritório Manoel Caetano Advocacia, em Curitiba.

Ontem, a imprensa divulgou que os procuradores de Curitiba, por outro lado, informaram ao juiz Moro que não possuem as versões originais de documentos questionados pela defesa de Lula em um incidente de falsidade.

O documento diz respeito a um recibo bancário que, na versão apresentada pelos procuradores, leva duas assinaturas. Mas o mesmo papel, quando entregue pelo réu e delator Marcelo Odebrecht, só tinha uma rúbrica.

Em ofício datado do último dia 20, Deltan Dallagnol, líder dos procuradores de Curitiba, informou que extraiu os documentos apresentados na ação penal contra Lula do sistema de propinas da Odebrecht que está na Suécia. Moro havia determinado que ele informasse se tem os originais e, em caso positivo, que entregasse à Justiça.

Nesta ação penal, Lula é acusado de receber propina da Odebrecht na forma de um imóvel para o Instituto Lula e de um apartamento comprado por um primo distante de José Carlos Bumlai – o réu e delator informal Glaucos da Costamarques.

Os recibos do aluguel foram exigidos por Moro no dia da audiência de Lula. A defesa apresentou os documentos e, com ajuda da imprensa, Dallagnol decidiu apresentar um incidente de falsidade contra os papéis. Foi quando o magistrado ordenou que as vias originais fossem apresentadas à Justiça.